Na Prática: Marcos de Ros!

Weehbo SLO Drive!
abril 11, 2012
#RIPTonefactor
abril 15, 2012

Na Prática: Marcos de Ros!

Virtuose. Eclético. Comunicativo. Esses são apenas alguns adjetivos que podemos utilizar para descrever nosso entrevistado. Confira o papo que tivemos com Marcos de Ros, conheça um pouco mais dos seus equipamentos e confira o que conseguimos descobrir…

Marcos-De-Ros

Pedais & Efeitos: Pergunta meio clichê pra começar! Quando e como começou a se interessar por música?

Marcos de Ros: Aos nove anos, depois de escutar um disco do AC/DC pela primeira vez!

Pedais & Efeitos: E qual foi a sua primeira guitarra? E o primeiro pedal?

Marcos de Ros: Minha primeira guitarra foi uma Giannini Apollo, que consegui recuperar depois de anos e está comigo até hoje. O primeiro pedal foi um fuzz hand-made, pouco recomendável para os com problemas cardíacos (risos).

Pedais & Efeitos: Você tem projetos bem distintos em termos sonoros. Trabalhos mais “pesadas” e outros voltados para interação com música clássica. Como isso afeta o seu setup? Você prefere algo mais versátil ou tende a mudar tudo de um projeto para o outro?
Marcos de Ros: Creio que nunca repeti o mesmo set para fazer trabalhos diferentes! É muito divertido e estimula a hqdefaultcriatividade escolher entre distintos pedais antes de cada trabalho. E para o estúdio, eu levo muitos; alguns nem uso, mas é bom saber que sempre tem opções!

Pedais & Efeitos: Você é um guitarrista profissional que tem tentado encurtar a distância entre “profissionais” e “amadores” utilizando bastante as redes socias e fóruns. Como tem sido isso pra você? Qual a importância e resultados?

Marcos de Ros: Na verdade, mais do que encurtar as distâncias, eu tenho me divertido muito! É muito bacana estar em contato com um pessoal que tem a mesma paixão do que eu, e fora que eu aprendo bastante nessa interação.

Pedais & Efeitos: Você produziu um vídeo bem legal sobre o tema “Endorsments” que é um tema sempre controverso. O que o motivou a produzí-lo?

Marcos de Ros: Muita gente me procurava e pedia dicas sobre esse assunto. Vi a carência de informações e via muitos mitos em torno desse assunto. Quis fazer um video bem básico e esclarecedor. Descobri que tinha que ser mais básico ainda. Volta e meia, recebo e-mails de uma galera que toca a menos de um ano e que quer ser endorsee de uma marca…

Pedais & Efeitos: Como você chegou a suas parcerias de endorsments atuais?

marcos_tommy1Marcos de Ros: Provando para eles que investir em mim era algo que traria retorno e credibilidade para a empresa.
Claro que, para isso, eu tinha que ter uma carreira consolidada e tinha que ser uma pessoa de credibilidade, obviamente.
E além disso, eu tenho que adorar o produto que a marca produz, senão, nada vai funcionar.
Eu realmente uso e recomendo todas as marcas que sou endorsee, porque eu que as escolhi, e não ao contrário!

Pedais & Efeitos: Dentro dessas parcerias, qual o espaço que você tem para utilizar outros equipamentos que sejam melhores que os fornecidos pela empresa e/ou mais adequados para algum projeto específico?

Marcos de Ros: Não teria o menor problema! As empresas me dão liberdade e confiam em mim. Se eu precisar, por exemplo, usar uma Strato para um som bem especifico de guitarra, o Peruzzo iria apoiar, pois ele sabe que a liberdade de expressão é super importante para o músico. O mesmo vale para todos os outros parceiros.

Pedais & Efeitos: Quando veremos um pedal “Marcos de Ros Signature”? Se você fosse trabalhar nesse desenvolvimento, como seria ele?

Marcos de Ros: Uhauhauhahauhauha!!! Cara, me vende essa tua bola de cristal? Ops, falei demais… Aguardem… (risos).

Marcos-De-Ros-2

Pedais & Efeitos: Qual é o seu setup hoje?

Marcos de Ros: Hoje à tarde eu tenho gravação da “Sociedade das Aventuras Fantásticas”. Tem uns 15 pedais da Fuhrmann (e só da Fuhrmann) espalhados pelos chão do estudio! Mas amanhã vou tocar numa feira de móveis numa cidade próxima, e irei levar uma pedaleira já montada, com um Smooth Tremolo, Vib/Vibe, Hot Rod, Punch Box e Analog Echo, que é a mesma que fiz uma tour de workshops por São Paulo ano passado.

Pedais & Efeitos: Você gosta de se “arriscar” em novos efeitos? Ou prefere ir pelo tradicional?

Marcos de Ros:Eu testo de tudo! Nunca fui um cara adepto as modulações, mas ultimamente, não consigo desligar o Phaser, hehehe! Tenho usado um envelope Filter em alguns videos também!

Pedais & Efeitos: Quais os próximos projetos?

Marcos de Ros: A “SAF” (Sociedade das Aventuras Fantásticas) está em andamento. Acredite, essa sociedade é muito maior do que pensam…

Pedais & Efeitos: Agora o espaço é seu. Deixe um recado para os leitores do site Pedais & Efeitos.

Marcos de Ros: Agradeço muito pelo espaço, quem quiser conhecer mais o meu trabalho, acessem minha página no YouTube que tem mais de 200 videos , inclusive o dos endorsementes aqui citado!

http://www.youtube.com/user/marcosderos

E um agradecimento ao pessoal que confia no meu trampo:
cabos Tecniforte http://www.tecniforte.com.br/,
pedais Fuhrmann http://www.fuhrmann.com.br/,
guitarras Peruzzo http://www.peruzzoguitars.com.br/site/index.php,
pontes e nuts Graphtech http://www.tommyguitars.com.br/site/,
captadores D.S. http://www.dspickups.com.ar/,
cordas Dean Markley http://www.deanmarkley.com/EndArtists/MarcosDeRos.shtml,
palhetas V-Picks http://v-picks.com/artistsdetails_sp.php?q=302
suportes, correias e bags Ibox http://www.ibox.ind.br/endorser/marcos-de-ros

Um abraço e um tapping nas costas!!

pee
pee

1 Comentário

  1. […] E como descobrimos a quase três anos atrás, a Fuhrmann lançou o seu primeiro pedal signature! […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *