Review: Combatti Distortion AC Noises

Novo Funky Vibe!
janeiro 17, 2019
De la Riva
janeiro 21, 2019

Review: Combatti Distortion AC Noises

 

Acabamento/Construção/Embalagem

Uma das muitas coisas legais nos pedais da AC Noises é que o acabamento deles sempre chama bastante a atenção e gera uma identificação instantânea à marca. Se você conhece sabe que o pedal é deles e são você não conhece, quer saber quem é o autor dessa belezura. É impossível ficar indiferente! Quando você pega o pedal em mãos pode verificar todo o cuidado que o fabricante teve com a concepção e aplicação da arte. A pintura do pedal é muito bem executada, assim como a arte presente no pedal (que é bem inusitada). A indicação dos controles é bem discreta e a cor dos knobs contrasta bem com a cor do pedal, formando um ótimo conjunto. 

A construção é muito bem executada, com ótimos componentes utilizados, tanto na parte do circuito interno como na escolha e utilização de jacks e knobs. Os jacks para entrada e saída de áudio ficam na parte “superior” do pedal o que ajuda a bastante a economizar espaço no pedalboard. O Combatti pode ser alimentado apenas via fonte padrão 9v (centro negativo, padrão Boss).

A embalagem é simples, com uma caixa de papelão com adesivos com a logo do fabricante. Dentro o pedal vem dentro de um saquinho de pano e acompanham o pedal manual, certificado de garantia, adesivo e palheta. Dado ao lindo acabamento do pedal, acho que uma embalagem mais classuda valorizaria ainda mais o produto (Recentemente o fabricante já remodelou a embalagem, que ficou bem mais bonita!).

 

Timbres

O Combatti utiliza o famoso chip LM308 para produzir os seus timbres poderosos. Para quem não está familiarizado, é o mesmo chip utilizado no clássico RAT. A partir dessas informações você já pode imaginar o que pode encontrar em termos de timbres nessa latinha. São distorções com bastante corpo, ganho e sustain com uma certa característica “fuzzy” bem peculiar. É o tipo de pedal que vai agradar diversos guitarristas.

Mesmo partindo de uma sonoridade tão conhecida como a do RAT, o Combatti apresenta algumas possibilidades interessantes e grande parte disso é responsabilidade das três diferentes clipagens integradas ao circuito. Quando o switch está posicionado no meio, oferece uma sonoridade mais aberta e com um pouco mais de dinâmica. Quando posicionado para cima, ele proporciona  médios mais presentes. Ótimo para que o pedal se destaque na mix. E quando a chave está posicionada para baixo, um timbre um pouco menos comprimido e com graves um pouco mais “redondos”. É um pedal que possui bastante ganho e mesmo em configurações mais baixas no knob de distortion, ainda oferece um timbre poderoso.

A minha preferência foi em utilizar o Combatti em guitarras equipadas com humbuckers. Nessa situação o pedal se comportou muito bem tanto para bases como em solos. O DNA sonoro do pedal, com uma pitadinha de fuzz me agrada bastante. Mesmo com todo o ganho foi possível utilizá-lo com acordes abertos com bons resultados. O pedal oferece um ótimo sustain e um timbre bem cheio. Com single coils a aspereza dos agudos no pedal me incomodaram um pouco. Para o meu gosto, a sonoridade ficou um pouco estridente demais, mas tenho certeza de que pode funcionar para muita gente, pois mesmo assim o timbre funciona para outras aplicações. E tenho certeza de que se eu fuçar mais um pouco, vou achar uma regulagem que me agrade mais com single coils. Nesse caso faltou um pouco mais de tempo mesmo.

O Combatti Distortion é um pedal bem divertido e mesmo sendo baseado num timbre tão conhecido foi capaz de trazer um certo frescor a esse tipo de sonoridade. As opções de clipagem trazem uma versatilidade muito bem vinda e os sons poderosos do pedal vão agradar aos amantes de timbres pesados, mas que não querem perder a definição nas suas notas. Pedal bem divertido! Parabéns AC Noises!

 

Facilidade de Usar/Achar bons timbres

Você não deve encontrar dificuldades para operar o Combatti. O desafio vai ser adequar os timbres dele ao seu equipamento e sonoridades desejadas. Para isso utilize bastante o switch de clipagem em conjunto com os controles de tone e ganho. As possibilidades são bem amplas e certamente você achará algo que lhe agrade.

 

Regulagem Favorita

Vol: 12:00h

Tone: 11:00h

Distortion: 11:00h

Switch: para cima

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *