Review: Hawaiian Pizza Caroline Guitar

Novidades da Siren Pedals!
julho 8, 2020
Cntl Knob
julho 10, 2020

Review: Hawaiian Pizza Caroline Guitar

 

Acabamento/Construção/Embalagem

Esse é o primeiro review de um pedal da Caroline Guitar por aqui e começamos bem. O Hawaiian Pizza tem um acabamento lindíssimo!  A arte é simples mas a escolha das cores, tanto do pedal como das inscrições, foi muito acertada, pois gera um contraste bem legal. A escolha dos knobs valorizou demais o conjunto. É óbvio que ter uma pizza, um abacaxi e um porco desenhados no pedal é bem incomum, mas o saldo final é bem positivo.

O pedal é extremamente robusto com uma placa impecavelmente montada, utilizando bons (e poucos) componentes e sem sobras nem excessos. O detalhe é que a placa ainda conta com alguns “easter eggs” com artes e frases engraçadinhas. Os timbres são baseados em dois transistores de silício de alto ganho, 2N5088s. Ainda na parte interna do pedal existe um switch, que permite que o pedal trabalhe bem com pedais que possuam buffer. Os jacks de entrada e saída de áudio ficam na parte “da frente” do pedal assim como a entrada para a fonte de alimentação, que trabalha com 9v (centro negativo, padrão Boss) ou bateria (que dura uma eternidade em circuitos como esse).

A embalagem é simples mas cumpre muito bem com a sua função. Ela possui a logo do fabricante na parte superior e em uma das laterais, um adesivo com as informações do modelo. O pedal vem bem embalado num saquinho de pano e acompanham adesivo, palheta e um manual simples, mas muito bem ilustrado e explicado.

 

 

 

Timbres

A primeira coisa que eu gostaria de destacar e o quão versátil o Hawaiian Pizza é e o quanto isso me surpreendeu, pelo número de controles do pedal e pela ausência de um controle de tonalidade no mesmo. Sim. Esse pedal não tem nenhum controle de tonalidade. Isso pode parecer assustador e até certo ponto limitante, mas acredite, eu não senti NENHUMA falta dele. O knob “pig” controla a quantidade de sinal que entra no pedal. O knob “pizza” controla o volume de saída e o knob “pineapple” funciona como um regulador de tensão do circuito, como uma espécie de Bias.

A variedade de timbres que o Hawaiian Pizza oferece é bem interessante. Apesar de aparentemente simples, os controles oferecem possibilidades de timbres bem amplas, o que o torna uma ferramenta bem interessante pra se ter no pedalboard, já que ele pode trabalhar como fuzz ou distorção com um simples girar de knob. Obviamente que a distorção que ele vai entregar possui um DNA diferente dos pedais de distorção mais tradicionais do mercado ou daqueles baseados em amplificadores, mas gostei bastante do que ele me entregou nessa função. Mas como Fuzz ele realmente mostra a que veio. Só o knob pineapple vai te proporcionar inúmeras possibilidades, quer seja de um timbre gordo e fechado ou aquela sonoridade um pouco mais magra com os sons “falhando”. Ao girar knob pig para o seu lado esquerdo você vai encontrar menos distorção e também menos graves. Então dá pra dizer que é um controle que mescla ganho e claridade.

E o circuito vai responder drasticamente as mudanças de volume. Ele não vai limpar tão bem como um Fuzz Face quando você reduz o volume do seu instrumento. Mesmo assim, explore as variações de timbre que esse controle proporciona, é bem interessante. Em configurações com mais ganho o timbre é agressivo mas mantém certo nível de nitidez e também não soa excessivamente comprimido.  O Hawaiian Pizza também trabalhou muito bem com diferentes guitarras e em diferentes amplificadores. Faltou testá-lo num amplificador de potência mais alta num bom volume. Mas quando acabar a Pandemia, me aguardem…

Não espere encontrar nada inovador no Hawaiian Pizza. Mas em termos de timbres a variedade e a qualidade são enormes. Não encontrei nenhum som que não me agradasse nesse pedal e o som gordo e articulado vai agradar tanto a quem gosta de fuzz como aqueles que ainda resistem ao efeito. Simples e eficiente. O Hawaiian Pizza oferece uma ótima variedade de timbres, mantendo a dinâmica do instrumento, de uma forma super simples. Impossível achar um timbre ruim nesse pedal!

Facilidade de Usar/Achar bons timbres

Apesar de ter apenas três controles o Hawaiian Pizza oferece uma gama bem grande de diferentes timbres. Então, apesar da operação simples, é preciso investir um tempo no pedal para entender como os controles funcionam (e interagem entre si) e os resultados dessa interação. Vai ser um tempo muito bem gasto para você extrair o que esse excelente pedal tem de melhor.

 

Regulagem Favorita

Pizza: 13:00h

Pineapple: 12:00h

Pig: 16:00h

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *