Review: Sci-Fuzz Hybrid Utopia Fx

Excess v.2
7 de fevereiro de 2022
Slice of Pie
10 de fevereiro de 2022
Excess v.2
7 de fevereiro de 2022
Slice of Pie
10 de fevereiro de 2022

Review: Sci-Fuzz Hybrid Utopia Fx

Acabamento/Construção/Embalagem

O Sci-Fuzz Híbrido é uma versão limitada da Utopia FX que conta com algumas diferenças para a versão “tradicional”. A mais visível delas é no acabamento, que nessa versão recebeu uma pintura na cor prata com a arte e inscrições do pedal em preto. O resultado ficou bem legal, diferenciando o modelo dos outros da empresa. A pintura é muito bem feita, sem nenhum tipo de falha aparente e as inscrições nos controles são bem visíveis e fáceis de identificar.

A construção do pedal é ótima. A placa é muito bem montada e organizada, utilizando-se de bons componentes. A impressão que passa é a de que é um pedal que vai durar para o resto da vida. Os jacks para entrada e saída de áudio ficam na frente do pedal, assim como a entrada para fonte de alimentação. O pedal deve ser alimentado por fonte padrão 9v (centro negativo) e não possui a opção de alimentação por bateria.

A Embalagem é personalizada para todos os produtos da empresa, tendo o verde como característica (assim como nos primeiros pedais da empresa). Dentro da caixa o pedal vem muito bem embalado acompanhado de um manual muito bem escrito e ilustrado, com todas as informações necessárias para a operação do pedal, além de palheta personalizada com a logo da empresa. Excelente!

Timbres

A idéia de unir transistores de germânio e silício num mesmo pedal não é nova, mas também não são tantos fabricantes que se aventuram nessa mistura. O Sci-Fuzz Híbrid oferece essa possibilidade de uma maneira muito simples e essa mistura conferiu ao pedal uma versatilidade muito interessante! As combinações dos estágios e a interação deles com o controle de ganho fazem o pedal ser capaz de diferentes sons, sempre com muita personalidade. E isso não é uma característica muito comum em outros fuzzes por aí. Inclusive, se você está procurando um primeiro pedal de fuzz, vale a pena dar uma olhada com atenção nesse review.

Essa versatilidade chamou muito a minha atenção pois fui capaz de utilizar o Sci-Fuzz Hybrid em diferentes funções dentro do meu pedalboard. Consegui utilizá-lo tranquilamente como um overdrive (obviamente com um “voicing” e texturas diferentes) indo até um fuzz mais “podrera” e bem fechado! E essa variadade de timbres se dá exatamente na interação entre os dois estágios. Uma pequena variação no estágio de germânio vai afetar diretamente o estágio de silício e vice-versa e foi muito divertido brincar com essa relação, sempre com resultados muito musicais. Para timbres de overdrive, a minha preferência foi utilizar apenas o estágio de germânio com o controle de ganho numa configuração baixa. Dá para conseguir umas sonoridades bem legais de drive, sem soar como os mais “tradicionais” e pra mim isso é bem interessante.

Vale salientar que o estágio de silício sozinho também funciona muito bem para sonoridades de drive, oferecendo uma característica diferente do estágio de germânio, sendo talvez até um pouco mais “limpo”. Também dá pra conseguir uns timbres de distorção bem legais, também com bastante personalidade. Outra característica legal desse Sci-Fuzz é que ele oferece uma boa dinâmica ao ser trabalhado em conjunto com o volume da guitarra. Mas e ao misturarmos os dois estágios de ganho? É aí que a mágica acontece!  O timbre vai ficando com mais “velcro”, mais sujo e o leque de opções vai se abrindo, indo desde sonoridades bem sujas e pesadas, até aquele timbre onde o fuzz parece estar falhando. O controle de ganho oferece um alcance bem legal e a interação com os estágios é total. Outro detalhe interessante é a ausência de um controle de Tone

O Sci-Fuzz Hybrid é dos fuzzes mais versáteis que eu já testei. A capacidade que ele possui de oferecer novas sonoridades apenas com um pequeno ajuste em um dos controles é divertidíssima e faz com que eu não tenha vontade de desligar o pedal depois de acioná-lo. Quer você já seja experiente com fuzzes, quer esteja procurando o seu primeiro fuzz, eu recomendo fortemente o Sci-Fuzz Hybrid pela capacidade que ele possui de entregar diversos e ótimos timbres. E com isso, dá para utilizá-lo em diversos estilos e situações. Mais um ótimo pedal da Utopia!

Facilidade de Usar/Achar bons timbres

O grande segredo do Sci-Fuzz Hybrid é girar os knobs. Eu sei que parece óbvio, mas aqui é essencial para entender a quantidade de possibilidades que esse pedal oferece! A interação desses controles é imensa e pode mudar radicalmente a sua sonoridade. O lado bom dessa pesquisa é que dificilmente você vai encontrar um timbre ruim saindo desse pedal. Diversão garantida!

Regulagem Favorita

Stage 1: 12:00

Stage 2: 03:00h

Volume: 11:00h

Gain: 01:00h

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Notice: ob_end_flush(): Failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/peda8333/public_html/wp-includes/functions.php on line 5349

Notice: ob_end_flush(): Failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/peda8333/public_html/wp-includes/functions.php on line 5349